27/08/13 | Curiosidades

O hábito dos chineses beberem cerveja em saquinho

Enquanto você se preocupa se possui o copo certo para o consumo de um determinado estilo de cerveja, na China as coisas são bem diferentes. Devido a influência alemã do século XIX, muitos chineses têm o hábito de beber cerveja até hoje, tornando o país o maior consumidor da bebida no mundo.

bebendo-cerveja-tsingtao-saquinho

Em 1897, dois navios alemães aportaram na província de Tsingtao com cerca de 700 marinheiros. Os chineses bateram em retirada, o que levou o imperador a fazer um acordo com Guilherme II, imperador da Alemanha, o que se considerava Alemanha pelo menos. Assim, a promessa de cessão do território por 100 anos foi feita aos alemães.

Em 1903, os alemães sentiram sede demais, o que os levou a construir uma cervejaria na cidade, a Tsingtao, que chegou até mesmo a ser reconhecida em concursos realizados em Munich. Mas a paz não durou muito, já que os japoneses invadiram a China numa das ações que deram início a II Guerra Mundial, em 1937.

O fim dos conflitos só chegou à Tsingtao em 1949, quando Mao Tse Tung venceu a guerra entre comunistas e capitalistas. A cervejaria prosperou desde então, se tornando a maior da China e uma referência mundial em produção. Os chineses atualmente ainda guardam o gosto pela cerveja, adquirido com ajuda dos alemães, mas adotam um hábito curioso, o de beber cerveja em saquinhos, principalmente pelo preço do “vasilhame”.

Via DW