15/01/14 | Homebrewing

As mil e uma habilidades do cervejeiro caseiro

A vida de cervejeiro caseiro é bem tranquila no início de carreira. O processo de produção e controle são acessíveis para todo mundo, o que permite que qualquer um possa produzir sua cerveja em casa. Claro que o tempo passa e temos fome de conhecimento, por isso queremos inovar, melhorar nosso equipamento e nossas cervejas. Para isso, novas habilidades são necessárias. Veja algumas delas!

canivete-suico

Eletricista

Quem nunca pensou em automatizar seu equipamento? O que antes era um tal de arrastar balde para cima e para baixo, passo a ser uma tarefa simples de ativar disjuntores, resistências e outras parafernálias que iriam colocar sua casa em curto circuito na primeira brassagem. Quando o cervejeiro já conhece de elétrica, toda essa montagem fica mais segura e menos explosiva!

Bombeiro Hidráulico

Chega um ponto quando seu equipamento fica pequeno para sua produção e é quase obrigatório aumentar o tamanho da panela. Enquanto uns preferem buscar fornecedores, outros colocam a mão na passa e montam sua própria panela. Aí entram em cena as habilidades com furadeira, alicates e tudo mais necessário para instalar os registros hidráulicos. Uma bomba para recirculação do mosto também é muito bem vinda!

Engenheiro de Produção

Você bem que poderia comprar os kits de insumos para sua cerveja, mas prefere pensar adiante a agendar cada uma de suas brassagens, comprando sacas de malte com 25 quilos, pois suas receitas dos próximos 3 meses serão apenas com pilsen. Enquanto isso, identifica os gargalos de sua produção e descobre que é melhor comprar uma geladeira nova, pois as outras 3 não permitem um fluxo ótimo de cerveja!

Microbiologista

Esqueça aqueles sachês de fermento seco! Você quer tirar onda usando os melhores fermentos líquidos do mercado. Não apenas usar, porque você ainda vai reutilizar o fermento, criar seu banco de leveduras e cruzar cepas geneticamente modificadas para obter a melhor atenuação possível no calor de 40 graus do verão carioca.

Sommelier

Produto pronto e envasado. Agora é só beber, né? Claro que não! Antes precisamos fazer uma avaliação sensorial da cerveja, identificar os defeitos da produção, categorizar o estilo de acordo com o resultado obtido e pensar em como melhorar aquela receita para vencer o concurso que haverá no ano seguinte. Trabalho desgastante!

Chef

O que seria da cerveja se todos usassem os mesmos ingredientes? Sei que você reclama da Lei de Pureza Alemã e por isso mesmo quer descobrir todos os ingredientes brasileiros que podem ser usados na sua próxima receita. Toda visita a feira de rua é uma experiência nova em relação a aromas e sabores. Tudo para criar uma nova receita que deixaria Alex Atala com inveja!

Se identificou com as habilidades do cervejeiro? Acha que faltou algum item ou discorda do que foi escrito? Deixe sua participação nos comentários!


Nicholas Bittencourt.

Analista de sistemas, nobre bacharel em Direito, fotógrafo, cervejeiro e blogueiro. Quando sobra tempo, também faço pipoca.

Comentários

  • 16/01
    21:32

    Muito boa Nicholas! Mas faltou uma habilidade indispensável pro cervejeiro caseiro, a de faxineiro! Porque fazemos uma bagunça danada..rsrs


  • Nem fala, David! Estou começando a controlar meu processo em quantos litros eu derramo no chão da cozinha. Minha meta atual é menos de 2 litros!


  • 27/01
    21:21

    Kkkkk… Verdade! Eu nem conto a quantidade que derrubo para não desanimar.


  • 06/05
    00:45

    Além de eletricista, instalador, bombeiro-hidraulico, virei também soldador e sei de outros que fizeram o mesmo!
    Acabei descobrindo outras paixões e habilidades!


Leave a comment