11/12/14 | Curiosidades

Como a cerveja fez a Inglaterra vencer a 2ª Guerra Mundial

Em uma guerra, de nada adianta ter os melhores equipamentos e a melhor estratégia, se seus soldados não estão motivas a ir para o front e dar sua vida pela vitória de sua nação. Durante a Segunda Grande Guerra, a Inglaterra resolveu um problema da melhor forma possível: com cerveja!

20141130xxx-joy-juice

 

Com diversos soldados atuando no front, a parte continental da Europa, não havia uma linha de suprimentos que pudesse transportar cervejas a fim de animar as tropas inglesas, nem vontade da intendência das forças armadas em adaptar seu transporte de suprimentos para atender essa necessidade básica das tropas.

O problema não era a falta de cerveja para o envio, já que cervejarias como a Henegar and Constable doavam cerveja para as tropas inglesas, mas a principal dificuldade era fazer o líquido chegar até o continente.

Uma vontade dessa faz florescer a inventividade humana e os soldados da RAF (Força Aérea Real), logo perceberam que os novos bombardeiros Spitfire Mk IX tinham capacidade de carregar mais peso devido ao seu suporte para bombas. Logo esse suporte foi adaptado para acomodar barris de cerveja, ou Cargas de Profundidade — Modificação XXX, como era colocado no relatório.

Depois dessa descoberta, diversos aviões começaram a apresentar problemas, devendo ser levados a Inglaterra para manutenção e retorno com o devido compartimento carregado de IPAs, Stouts, Porters, e outras coisitas mais.

Com o tempo, a necessidade por cerveja foi aumentando e a criatividade mais uma vez se fez necessária. Descobriram que uma boa limpeza e a remoção do material de proteção de um tanque de combustível externo da aeronave fazia com que ele pudesse ser usado como barril de cerveja, aumentando o volume transportado a cada vôo. Quem precisa de mais combustível quando se tem sede?

O governo, percebendo a cerveja jorrar em direção ao continente, logo decidiu que aquilo era considerado exportação e decidiu proibir a prática. A Força Aére, claro, ignorou a ordem e continuou provendo combustível para os soldados que ali estavam.

O resto da história você já conhece!

inglourious-basterds-may13photo-06

Fonte: Meio Bit