18/04/17 | Economia e Mercado

Cervejaria Leuven inicia conversas com cidade belga

Completando seis anos no mercado cercejeiro brasileiro, a Cervejaria Leuven estava passando por maus bocados nos últimos dias. Como noticiamos, a cidade belga homenageada pela cervejaria estaria estudando iniciar um processo pelo uso indevido do nome.

Histórico de conflitos

Não é a primeira vez que a cervejaria passa por problemas com o nome. Alexandre Godoy, sócio e fundador da cervejaria, nos contou que estudaram adotar nomes como “Porto Belo” ou “Hagen”, mas escolheram a cidade belga justamente para evitar conflitos com outras marcas.

Mesmo buscando a homenagem em outro continente, a cervejaria ainda assim foi ameaçada de processo. O autor da disputa alegava que o termo Leuven induzia o consumidor a acreditar que se tratava de um produto importado. Pior ainda, adotar o nome de um local poderia ser considerado ilegal segundo alguns parâmetros. Argumentos fáceis de vencer em um país onde Bohêmia é uma marca de cerveja consolidada!

Chega um final feliz

Sobre o caso atual, terá um desfecho melhor que o esperado. Em conversas através da rede LinkedIn, Godoy e Dirk Vansina estão chegando a um acordo sobre o uso do nome da cervejaria. O maior receio do secretário belga era que as cervejas locais não pudessem adotar um selo de denominação de origem, coisa que a Cervejaria Leuven não tem intenção de impedir.

A cervejaria guarda boas relações com o país europeu. Diversos turistas belgas, inclusive alguns com origem na cidade de Leuven, já passaram pela cervejaria e se mostraram bastante satisfeitos com os produtos lá encontrados. Alguns até se manifestaram em defesa da cervejaria.

Essa opinião foi ratificada com a presença ilustre de Peter Claes, na época cônsul geral da Bélgica. Ele afirmou que as cervejas da Leuven atenderam as altas expectativas da comitiva que visitou a cervejaria durante a Belgian Week que ocorreu em 2011, em São Paulo.

Para evitar mais problemas, a cervejaria está buscando adotar um nome diferente para o mercado internacional. Já que está estudando iniciar a exportação de seus produtos, o melhor é estar prevenido.

Fica nossa torcida para que essa pendência seja resolvida da melhor forma possível. Seja para a cervejaria de “Alma Belga, Coração Brasileiro” e a cidade homenageada.