06/03/17 | Eventos

Imperial Black IPA, Doppelbock e Session IPA são lançamentos da Itajahy no Festival Brasileiro da Cerveja

Quatro experimentais também serão apresentadas, todas com adição de iguarias não usuais em cervejas artesanais

A Itajahy chega ao maior evento cervejeiro do país com nove rótulos em linha. Além dos seis que já são comercializados em todo o país, a marca lança três novos estilos no Festival Brasileiro da Cerveja, que vai de 8 a 11 de março, em Blumenau (SC). São eles: Kraken (Imperial Black IPA), U-513 (Doppelbock) e Trapiche (Session IPA).

Cervejas que hoje estão no portfólio da Itajahy Imagem: Ângelo Virgílio

O cervejeiro da Itajahy, Alexandre Mello, destaca o crescimento da marca dentro do evento. “Eu participei do primeiro festival em 2011 para apresentar as minhas criações caseiras. E agora, seis anos depois, estamos chegando ao Festival Brasileiro da Cerveja com nove rótulos e uma distribuição que nos permite chegar a todo o país. Estruturamos a Itajahy para um salto nos próximos anos e este será o pontapé para ele”, comenta.

Os três lançamentos trazem nomes que respeitam a identidade que a cervejaria mantém, ligada a características do litoral. Kraken, nome da Imperial Black IPA, é um monstro da mitologia nórdica que tem o formato de um polvo gigante que aterroriza os navegantes. U-513, que nomeia a Doppelbock, é o submarino alemão que afundou na costa catarinense em 1943. Por fim, o nome da Session IPA, Trapiche é um pequeno atracadouro para embarcações de pequeno porte muito comum no litoral do estado.

Festival também terá experimentais

A Itajahy também leva ao Festival Brasileiro da Cerveja quatro cervejas artesanais. A chamada de Maré Vermelha é uma Gose com amora. Já a Consertada, é uma Porter com cachaça e especiarias. Brincando com os sucos saudáveis, a Detox Sour traz couve e gengibre para uma Sour Ale. Por fim, a Loomi é uma Saison com lima negra.