09/03/17 | Eventos

Krug Bier lança cerveja no Festival Brasileiro da Cerveja

Cervejaria marca presença no evento, em Blumenau, e apresenta Submissão, sétimo rótulo da linha Expressionista

A presença da Krug Bier no Festival Brasileiro da Cerveja está confirmada. O evento ocorre entre os dias 8 e 11 de março em Blumenau, Santa Catarina. Desta vez, a cervejaria aproveita o tradicional evento para lançar a cerveja Submissão, sétima integrante da linha Expressionista, todas baseadas em diferentes comportamentos humanos, que chega para fazer companhia para Calúnia, Inocência, Rancor, Remorso, Sarcasmo e Pretensão. “O Festival já faz parte do nosso calendário, então, sempre nos preparamos para apresentar alguma novidade. Dessa vez, levaremos uma opção para quem tem restrição ao consumo de glúten”, afirma Herwig Gangl, sócio da Krug Bier. Segundo ele, o nome faz alusão àqueles que se submetem aos padrões estéticos e às dietas da moda.

Kurg Bier Submissão (Dilvulgação)

Alfredo Figueiredo, sócio da Krug Bier, conta que, normalmente, para a criação de uma nova bebida, as cervejarias definem primeiro o estilo, ao contrário da proposta dessa linha. “O estilo foi a última escolha, as cervejas foram criadas tendo como base diferentes comportamentos humanos”, conta. No caso da Submissão, a ideia é ilustrar, de forma quase artística, tanto com os ingredientes da bebida, quanto com o produto final, a sensação de se estar submetido a algo, no caso, aos padrões de beleza.

Krug Bier Submissão

Trata-se de uma Session IPA com tamarindo. As cervejas session são de baixo teor alcoólico e foram desenvolvidas na Europa para substituir a água, que não era potável, e para que, durante o trabalho, os empregados pudessem tomar o líquido, sem ficar bêbados. “O nome “session” vem de sessões, onde os trabalhadores paravam de trabalhar e iam se hidratar, enquanto IPA é a abreviação de “India Pale Ale”, conta Figueiredo.

Já o tamarindo, fruta exótica da Índia, mas que se adaptou muito bem às regiões do Norte de Minas Gerais e Nordeste do Brasil, deixa a acidez na medida e concede frescor à bebida, além de ter propriedades medicinais. Por ter baixo teor alcoólico (3,9%), é pouco calórica, além de não conter glúten, o que a torna ideal para quem sofre de intolerância à proteína. “A Submissão harmoniza bem com salada de folhas, sushis e burrata temperada com pimenta e limão”, diz Figueiredo.