18/04/17 | Cervejas e Comidas

Baden Baden lança primeira cerveja produzida exclusivamente com lúpulo nacional

Além do lançamento da Baden Baden Märzen, a cervejaria também reinaugurou seu Tour e apresentou as novidades após reforma da fábrica

A Baden Baden apresentou nesta quarta-feira (12), durante evento que celebrou o fim da colheita da segunda safra de lúpulo, seu novo rótulo Märzen, a primeira cerveja produzida exclusivamente com lúpulo 100% nacional. O encontro foi realizado na Fazenda Viveiro Frutopia, em São Bento do Sapucaí (SP), local onde a parceria foi iniciada há três anos com objetivo de desenvolver e fomentar o plantio do insumo em solo brasileiro, e seguiu para fábrica da marca em Campos do Jordão (SP), onde houve a reinauguração do Baden Baden Tour, que foi reformulado para oferecer uma nova experiência aos mais de 50 mil visitantes que passam por lá todos os anos.

O Brasil está entre os maiores produtores de cerveja do mundo, mas alguns insumos ainda são importados de outros países e o lúpulo se encaixa nesse contexto. O clima tropical do país não apresenta as condições ideais para tal cultivo, a tentativa foi uma aposta audaciosa e vem se mostrando bem-sucedida. Já na primeira safra, em 2015, parte da colheita pode ser aproveitada na produção da Baden Baden 15 anos, rótulo comemorativo da marca, e agora o projeto deu mais um passo com fornecimento de insumo com qualidade e quantidade para desenvolver uma nova cerveja.

“Acreditamos que iniciativas como esta pode ser um marco no desenvolvimento da cadeia cervejeira e, quem sabe, a longo prazo nos tornar uma potência no setor. Afinal, terra e solo nós temos, conhecimento sobre cerveja também. O que buscamos desde 2014, quando iniciamos esta parceria, foi entender como o cultivo de lúpulo se comporta no clima local e como chegar em um produto final com qualidade e capaz de suprir a criação e produção de uma nova cerveja. A Baden Baden é pioneira nesse assunto e acreditamos que este seja o começo de um futuro empreendedor bastante promissor “ afirma Rubens Matos, gerente de Pesquisa & Desenvolvimento da Brasil Kirin.

O projeto é realizado em parceria com o agricultor proprietário da Fazenda Viveiro Frutopia Rodrigo Veraldi Ismael que, movido por curiosidade e desejo de fazer algo diferente, ao ter contato com algumas sementes canadenses com um amigo, decidiu experimenta-lo em solo tropical.

“É um momento de muita alegria e realização. Após a concretização do apoio da cervejaria Baden Baden pudemos realmente ver um futuro com esse projeto. Acreditamos muito no potencial da produção do lúpulo e no legado que esta iniciativa irá deixar para o mercado cervejeiro” explica Rodrigo.